Eleição do engenheiro agrônomo Arício Resende é homologada pelo Confea

Pres. do Crea-SE, Arício Resende

O Conselho Federal de Engenharia e de Agronomia (Confea) homologou nesta quarta-feira (20/12), o resultado das eleições para a presidência do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Sergipe (Crea-SE). A homologação ocorreu durante a 10ª sessão plenária extraordinária de 2017. O engenheiro agrônomo, Arício Resende foi reeleito com 73,63% dos votos válidos para o mandato 2018/2020. A sessão foi comandada por José Tadeu da Silva,presidente que encerra sua gestão, iniciada em 2012, à frente do Sistema Confea/Crea.

Na mesma sessão, o engenheiro agrônomo, João Bosco de Andrade – representante da jurisdição do Crea-SE- foi empossado no cargo de conselheiro federal.João Bosco ganhou as eleições com 583 votos.

Veja todos os resultados que foram homologados nesta quarta-feira (todos com mandato para o período de 2018 a 2020):

Conselheiros federais

Crea-AC – Modalidade Civil: Ricardo Augusto Mello de Araújo (titular) e Marcio Henrique Rodrigues de Oliveira (suplente)

Crea-AL – Modalidade Industrial: Zerisson de Oliveira Neto (titular) e Oswaldo de Araújo Costa Filho (suplente)

Crea-AP – Grupo Agronomia – Laércio Aires dos Santos (Titular) e Edmar da Silva Lopes Filho (suplente)

Crea-SE – Grupo Agronomia, João Bosco de Andrade Lima Filho (titular) e Laerte Marques da Silva (suplente).

 

Representantes das Instituições de Ensino Superior – Grupo Engenharia: 

Osmar Barros Júnior (titular) e Enid Brandão Carneiro Drumond (suplente).

 

Presidentes de Crea

Acre – Carminda Luzia Silva Pinheiro

Amapá – Edson Kuwahara

Distrito Federal – Maria de Fátima Ribeiro Có

Mato Grosso – João Pedro Valente

Paraíba – Antônio Carlos Aragão

Rio Grande do Sul – Luiz Alcides Capoani

Santa Catarina – Ari Geraldo Neumann

Sergipe – Arício Resende

Tocantins – Marcelo Costa Maia

 

Diretores gerais das Mútuas regionais

Amapá – Fernando Antonio Van Erven Santos

Distrito Federal – Maxwell Simes de Souza Paiva

Mato Grosso – Adjane da Silva Barros

Paraíba – João de Deus Barros

Rio Grande do Sul – Pablo Souto Palma

Santa Catarina – Abelardo Pereira Filho

Tocantins – Itamar Xavier da Silva

 

Diretores administrativos das Mútuas regionais

Amapá – José Amarildo Nunes Magalhães

Distrito Federal – Wellington Siqueira de Medeiros

Mato Grosso – Mario Cavalcanti de Albuquerque

Paraíba – Cândida Régis Bezerra de Andrade

Santa Catarina – Gilson José Marcinichen

Tocantins – Cézar Almeida Batista

 

C/informações da Equipe de Comunicação do Confea

 

Print Friendly

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *