Agradecimentos e compromissos marcam discursos de posse da diretoria da Mútua em Maceió

O quarto e último dia da 75ª Semana Oficial da Engenharia e da Agronomia (Soea) teve agenda reservada à posse solene da Diretoria Executiva da Mútua (Caixa de Assistência dos Profissionais do Crea). Eleitos para o triênio 2018-2021, os cinco membros tomaram posse durante sessão plenária extraordinária realizada pelo Confea, no dia 24, com a presença de milhares de profissionais do Sistema que lotaram o auditório principal do Centro Cultural e de Exposições Ruth Cardoso, em Maceió (AL).

Estarão à frente da instituição o eng. civ. Paulo Roberto de Queiroz Guimarães (SP), a eng. agr. Giucélia Araújo de Figueiredo (PB), o eng. civ. Jorge Roberto Silveira (SE), o eng. agr. e de seg. do trab. Cláudio Pereira Calheiros (AL) e o eng. civ. e de seg. do trab. Juares Samaniego (MT). Os novos diretores foram eleitos pelo Colégio de Presidentes e pelo plenário do Confea, em Brasília, e serão responsáveis pela instituição que, há 41 anos, gerencia e oferece benefícios sociais, reembolsáveis e prestações assistenciais.

Com mandato de 25 de agosto de 2018 a 24 de agosto de 2021, as lideranças têm em seus planos de trabalho os seguintes objetivos gerais em comum: o aumento do número de associados, aperfeiçoamento da oferta dos planos de saúde, promoção de maior integração com os Creas e o Confea, fomento a programas de qualificação e reinserção dos profissionais do mercado de trabalho, apoio a iniciativas que visem a melhorias dos sistemas de fiscalização dos Regionais e ampliação da comunicação e a divulgação da Mútua.

Agradecimentos e compromisso

Diretor-presidente da Mútua, Paulo Guimarães

Reeleito, o diretor-presidente Paulo Guimarães agradeceu as lideranças e profissionais pela confiança. “Com orgulho, assumo o segundo mandato e prometo honrar cada voto recebido. E sabendo que foi o último ato, como conselheiro federal, do meu querido amigo José Chacon de Assis, minha responsabilidade aumenta ainda mais”, disse demonstrando reconhecimento ao voto recebido do conselheiro falecido em 3 de julho passado e homenageado na 75ª Soea.

Depois de agradecer o trabalho dos ex-diretores, Guimarães depositou confiança na nova gestão. “Tenho certeza de que o novo time também será vitorioso, pois os programas convergem para o mesmo foco: dar atendimento prioritário aos profissionais da área tecnológica que mais necessitam do nosso apoio. Temos muito trabalho e uma grande missão.”

Já o diretor de Tecnologia Cláudio Calheiros manifestou emoção por estar voltando à Mútua e principalmente porpoder iniciar os trabalhos, com a solenidade de posse, em sua “linda e querida Maceió”. Ao público, Calheiros garantiu levar adiante os projetos de sucesso da diretoria anterior. “Faremos um trabalho de continuidade para fortalecer a instituição, por meio do trabalho em conjunto e democrático com o Sistema”, garantiu o engenheiro agrônomo alagoano que retorna à instituição após integrar a diretoria entre 2009 e 2015.

Juares Samaniego

Estreante na diretoria da Mútua, o engenheiro civil e de segurança do trabalho Juares Samaniego rendeu agradecimentos aos que o conduziram ao cargo de diretor Financeiro, demonstrando comprometimento com a nova meta. “Posso prometer dedicação, trabalho e compromisso.”

O papel atuante da mulher foi ponto alto do pronunciamento da diretora administrativa, Giucélia Figueiredo. “Obrigada aos que acreditaram em minha candidatura e em minhas propostas e compreenderam a necessidade de ter a presença feminina na diretoria. Isso representa uma quebra de paradigma”, enfatizou a engenheira agrônoma que também estreia na liderança da Mútua e será a segunda mulher a ocupar o cargo de diretora. “Fato esse que muito me honra e remete a uma grande responsabilidade de representar o protagonismo da mulher no Sistema”, vibrou.

 

 

 

Reconduzido ao segundo mandato, o engenheiro civil Jorge Silveira reconheceu o apoio daqueles que o elegeram em 2018. “Recebi o incentivo dos presidentes de Creas para novamente me candidatar a continuar o trabalho na Mútua. A promessa para os três anos é de muitos projetos inovadores e compromisso de sempre se lembrar dos profissionais”, disse o diretor de Benefícios.

Despedida

Antes da cerimônia de posse, foi prestada homenagem aos diretores que concluíram mandato 2015-2018. Receberam certificados de serviços prestados ao Sistema Confea/Crea e troféu comemorativo de agradecimento pelos três anos de gestão: o diretor de Benefícios, eng. civ. Jorge Roberto Silveira; diretor Financeiro, eng. civ. Gerson de Almeida Taguatinga; diretor Administrativo, eng. civ. mec. de seg. do trab. Júlio Fialkoski, e o diretor de Tecnologia, eng. civ. Marcelo Morais.

Júlio Fialkoski

Representando os diretores que se despedem da Mútua, Júlio Fialkoski demonstrou gratidão pela trajetória vivenciada na Mútua. “A hora da partida é a hora do agradecimento por ter tido a oportunidade de avançar com os trabalhos na instituição.” Direcionando-se aos novos dirigentes, fez votos de sucesso: “A Mútua é muito grande e precisa ser maior, levando aos profissionais mais benefícios necessários para realizar seus trabalhos”.

Ao encerrar a sessão plenária, o presidente do Confea, eng. civ. Joel Krüger, reconheceu a parceria dos diretores que concluíram o mandato e parabenizou os recém-empossados sinalizando que os trabalhos desenvolvidos pelo Confea e Mútua serão em conjunto: “Estaremos juntos pelos interesses maiores do Sistema e das profissões”.

Participaram da solenidade o presidente do Crea-AL, eng. civ. Fernando Dacal; o coordenador do Colégio de Presidentes, eng. agr. Francisco de Almeida; o coordenador do Colégio de Entidades Nacionais, eng. civ. Wilson Lang; e o representante das coordenadorias das Câmaras Especializadas, eng. eletric. e de seg. do trab. Jovanilson Freitas.

Reportagem: Julianna Curado (Confea)

Revisão: Lidiane Barbosa (Confea)

Equipe de Comunicação da 75ª Soea

Fotos: Art Imagem Fotografias

Tags: No tags
Print Friendly

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *