Crea-SE vai fiscalizar estrutura das feiras livres no interior do Estado

Situação das feiras livres pautou reunião no Ministério Público Estadual

O Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Sergipe (Crea-SE) vai participar de mais uma etapa da fiscalização das feiras livres com o objetivo de verificar a estrutura física, rede elétrica e hidráulica desses espaços públicos.  A operação também terá como foco o combate à venda de produtos de origem animal sem refrigeração. Nessa sexta-feira (3/5), o Ministério Público Estadual volta a se reunir com representantes do Crea-SE; Adema; Emdagro; Coordenação de Vigilância Sanitária e Ambiental; Polícias Militar e Rodoviária Federal para definir o calendário das fiscalizações.

“Esta é a segunda etapa da operação. A primeira foi voltada para os matadouros. Muitos foram fechados por estarem funcionando de forma irregular. Agora vamos atuar nas feiras para verificar a situação, especialmente no que se refere à procedência e às condições da venda de produtos animais como carne bovina, frango, peixes, vísceras, crustáceos e laticínios sem refrigeração. As fiscalizações virão para garantir o cumprimento da legislação e a saúde do consumidor”, ressalta a promotora de Justiça do MP-SE, Cláudia Calmon.

De acordo com a Promotora um dos maiores problemas enfrentados é a falta de estrutura das feiras e mercados, principalmente no que se refere às instalações físicas, elétricas e hidráulicas, o que impossibilita a instalação de câmaras frigoríficas e balcões refrigerados. “Nessa ação integrada contamos com o Crea-SE que fará uma inspeção detalhada da situação”, disse a promotora.

Print Friendly

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *