Crea-SE decreta luto pelo falecimento do conselheiro, José Augusto Machado

Conselheiro do Crea-SE, José Augusto Machado morre aos 73 anos, vítima de Covid-19

O Crea-SE está de luto pela morte do conselheiro, o engenheiro químico e de segurança do Trabalho José Augusto Machado, ocorrida neste domingo (14/3), em decorrência de complicações causadas pela Covid-19. Amanhã, segunda-feira (15/3), todas as atividades na sede e nas unidades (Aracaju e Itabaiana) do Conselho estarão suspensas.

José Augusto Machado tinha 73 anos de idade e estava internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI), do Hospital São Lucas, desde o dia 22 de fevereiro. Natural do município sergipano de Itabaiana, ele era um profissional muito participativo, com longa história e contribuição para o Sistema Confea/Crea e, mais especificamente, para a engenharia no estado de Sergipe.

Atualmente estava no exercício de mais um mandato de conselheiro (2021/2023), função que atuou por diversas vezes no Conselho. Neste momento, também estava como coordenador da Câmara Especializada de Engenharia Química, Geologia e Minas. Ele também foi vice-presidente do Crea-SE.

José Augusto iniciou sua trajetória profissional em  1969, quando concluiu o curso de Química, na Escola de Química de Sergipe. Em 1970, José Augusto já era professor no Instituto de Química da Universidade Federal de Sergipe (UFS). Ele deixa a esposa, Iracema Barreto Machado e três filhos Breno, Diogo e Dênio.

O presidente do Crea-SE, engenheiro Civil Jorge Roberto Silveira lamenta a perda do amigo e profissional, José Augusto Machado. “ Um grande amigo, um conciliador, sempre comprometido com as questões da engenharia e do Sistema Confea/Crea. Neste momento só temos a lamentar e também agradecer por toda sua dedicação e relevantes serviços prestados ao Sistema e a sociedade. Para nós  ficará sempre a imagem do profissional digno e respeitável, preocupado com sua profissão e com seus colegas. Uma referência para os futuros engenheiros e para os amigos, mesmo com muito tempo de engenharia como eu. Saudade do conterrâneo, do colega de UFS e Crea e do grande amigo em todos os momentos, afirma, Jorge Silveira.

“Mais que um professor, um mestre. Mestre da vida, da boa conversa, do ânimo, da sabedoria extrema. Sentiremos saudade do seu bom humor e da serenidade que tanto nos ajudou todos esses anos no Crea”, disse a gerente técnica  do Crea-Se, Elaine Santana.

Sepultamento

O corpo do conselheiro, José Augusto será sepultado às 17horas deste domingo  no Cemitério Colina da Saudade.  Não haverá velório.

Print Friendly

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *